Passaporte para unicórnio, passaporte rabiscado… Coisas bizarras na hora de viajar!

Imagine a seguinte situação: você economiza dinheiro para viajar, faz todos os planos e roteiros, se informa sobre como tirar passaporte e visto, arruma as malas, confere todos os documentos para viajar, vai para o aeroporto e… algo mágico/trágico acontece e sua viagem vai para o beleléu!

Dentre as inúmeras situações possíveis que podem acontecer, uma delas diz respeito à emissão e conferência de passaporte. Este importante documento pode te ajudar a entrar e sair de países, mas também pode te atrapalhar de modo inimaginável. Duvida? Reunimos algumas das notícias mais absurdas envolvendo passaportes!

O curioso caso da menininha com o passaporte de unicórnio

Passaporte unicórnio

Esta menina da foto se chama Emily Garris e mora no Reino Unido. Quando tinha 9 anos, sua família resolveu viajar em férias para a Turquia. Até aí tudo normal, não fosse o fato da mãe de Emily se confundir na hora de mostrar o passaporte para o agente turco.

A pequena Emily entrou na Turquia utilizando um passaporte com a foto de um ursinho dourado na capa e, no lugar de sua própria foto, o documento exibia a foto de seu unicórnio roxo de pelúcia!

A mãe de Emily contou que o agente perguntou à Emily quantos anos ela tinha e carimbou o “passaporte mágico”. Essa desatenção é preocupante, pois mostra como é fácil levar uma criança ilegalmente em outros países. Quanta atenção do agente turco responsável pela imigração, não é mesmo?


 

Chinês fica ‘preso’ na Coreia do Sul por ter passaporte customizado

Passaporte customizado

Um homem chinês ficou sem conseguir sair da Coreia do Sul e retornar ao seu país de origem por pequenos detalhes em seu passaporte. Quais detalhes? Basta ver a foto e perceber a grande obra de arte feita pelo filho do chinês no documento!

O pai explicou que a criança estava entediada e desenhou no documento durante um momento de distração dele. Ficou bacana a arte?

Com o passaporte totalmente danificado, as autoridades não puderam liberar o passageiro, e ele não conseguiu voltar para casa com a família.

Uma foto tirada do documento rabiscado viralizou entre usuários de redes sociais chinesas, que se divertiram com a situação.


 

Nome ‘proibido’ impede jovem de tirar passaporte

O nome da menina da foto não é Voldemort, mas seu nome também não é muito bem vindo ou apreciado.

A jovem se chama Harriet Cardew (nada demais, não é verdade?), mas seu nome a impediu de tirar passaporte em seu país.

Os islandeses têm seus nomes escolhidos com base em uma lista fornecida pelo Governo, assim, são permitidos somente 1.853 nomes femininos e 1.712 nomes masculinos. Até seis meses antes do nascimento da criança, o nome escolhido deve ser apresentado a um comitê do Registro Nacional, que aprovará ou não a escolha.

Apenas em casos em que ambos os pais são estrangeiros o nome não precisa passar por aprovação. Os pais de Harriet parecem não ter ligado muito para o fato e a batizaram com um nome não aprovado pelo país.

Para o Governo da Islândia, todos os nomes devem seguir a gramática do país, para preservar a língua e cultura locais.

Para o azar de Harriet, não há como seu nome pode ser conjugado na Islândia, segundo explicaram os pais da menina.

Em seu primeiro passaporte no lugar do nome apenas constava a informação “Menina”, porém, quando foi fazer a renovação, o Governo negou o pedido.

Fonte 1, 2, 3

Related Posts with Thumbnails

Deixe uma resposta