Tag Archives: bebado

Video: Papai Noel bebe demais e fica em apuros no estacionamento

Ah, o Natal… Época de muita alegria para todos, menos para o Papai Noel. Como se já não bastasse ter que entregar todos os presentes sozinho, ele não pode nem andar por um estacionamento em paz, depois de uma noite no bar. Vejam o que as câmeras de segurança capturaram e você ficará com pena do bom velhinho:

Matemática da vida (Pt.2): álcool + amigos + câmera = vergonha alheia

Já alertamos sobre os efeitos morais constrangedores que o álcool em excesso por fazer na vida de uma pessoa, certo? Você fica quase tão sem respeito que pensa até em ter um blog na internet! Que lástima. Ficar bêbado sozinho em casa não tem graça segunda a galera deste post, o bom mesmo é encher a cara e se preparar para ser zoado até por uma criança de 4 anos.

Matemática da vida (Pt.1): álcool + amigos + câmera = vergonha alheia

Hoje em dia quase todo mundo bebe. Digo “quase todo mundo” pois ainda há pessoas que preferem não dar motivo para serem zoadas durante a vida inteira, como os indivíduos deste post. Mas até que tá valendo, pelo menos vão ter histórias para contar. Se bem que quem bebe demais não tem história pra contar, pois fica em coma alcoólico e esquece de tudo no dia seguinte!

Seja malandro, beba pouco (ou nada, se você quiser!) e sacaneie muito mais todo mundo! Afinal de contas, só você vai lembrar o que aconteceu mesmo…

Você percebe que exagera na bebida quando…

Ainda há tempo de parar de beber, meu amigo. Sabe aquela clássica piada que menciona algo do tipo “acordar bêbado com um cachorro lambendo a sua cara”?. Seria bom que ele estivesse lambendo a sua cara mesmo, seria ótimo!

Eu preferi parar por outros motivos… mas tem gente que vai até começar a beber, né? Vai saber…

Aprenda posições de Yoga para quando estiver bêbado

As posições de Yoga são muito naturais, provavelmente você até realizou uma delas e não saiba Como eu não saco nada de Yoga, não posso explicar as posições. Cuidado com a coluna! Aliás, é melhor tomar conta  de outra coisa, já que “de bêbado não tem dono”!