Tag Archives: guerra

Aliste-se no Exército e lute contra o terrível inimigo “Super Mario”

O que para você é só um jogo, para alguns é uma causa que vale a vida. Milhares de ‘tartarugas’ são mortas todos os dias e isso não pode ficar assim. Aliste-se já e venha lutar por um mundo melhor.

Mundo melhor? Dominado por um dinossauro que põe os filhos como chefes das fases? Isso é nepotismo! Aliás, entre o Koopa e o Sarney, quem é pior?

Método do exército americano para consertar XBox 360

Seu Xbox 360 está com o temido erro RROD (Red Ring of Death)? Manda para os mariners que eles “consertam”. Você também pode mandar para qualquer traficante mais próximo da sua casa, mas corre o resto de ser “consertado” também!

Ah, você realmente esperava ver review de alguma coisa neste post? Fala sério!

Crianças recebem soldados de volta da guerra

Pais de família retornam da guerra criada pelos EUA contra o “Terror“. A emoção e pureza dos sentimentos infantis são tocantes.

Nós brasileiros não sabemos o que é ter o país em guerra há muito tempo, mas para os americanos a afirmativa poderia ser ao contrário, pois há muito tempo eles não sabem o que é ter o país em paz.

Nossa guerra é diária, dentro e fora de casa. A deles, só fora.

Onde estavam os super-heróis durante a Segunda Guerra?

Óbviamente não estavam lutando em carne e osso, mas lutavam por tinta e ideias através de páginas de gibi. Aliás, esse foi meu tema de monografia!

Bem que poderiam rolar mais montagens destas.

Ótimo post do Fottus.

5 coisas que você não sabia sobre Adolf Hitler

Esta matéria faz a promoção do livro “O arquivo de Hitler”, escrito por Patrick Delaforce, ex-combatente da Segunda Guerra Mundial.  Créditos à Revista Galileu.

O primeiro amor de Hitler foi uma judia

Muitos sabem que Adolf Hitler tinha uma relação muito forte com sua mãe. Mas o primeiro amor dele, de fato, foi Stefanie (ou Stephanie) Isak, uma jovem loira e alta que vivia no mesmo subúrbio de Linz. O sobrenome dela indicava que fosse judia, mas isso não o incomodava.

O menino apaixonado de 17 anos dedicou a ela uma série de poemas românticos e, na companhia de seu melhor amigo, Gustl Kubizek, ficava todos os dias esperando Stefanie passar na rua, que infelizmente estava sempre sob o olhar atento da mãe.

Hitler confessou a Gustl que, para fugir com ela, seria capaz de sequestrá-la. E como a moça o ignorava, Adolf planejou suicídio nas águas do rio Danúbio, levando-a consigo. Stefanie, que possivelmente nunca conversou com Hitler, acabou se casando com um soldado, o tenente Jasten.